Posts Tagged ‘Alexandre Matos’

Ensaios e práticas em museologia

septembre 8, 2011

Ensaios e práticas em museologia: 01
Org.: Alice Semedo e Patricia Costa
Edição: Universidade do Porto/Faculdade de Letras /Departamento de Ciências e Técnicas do Património
Descrição física: 325 p.
ISBN: 978-972-8932-82-4
Ano: 2011

A Universidade do Porto (com a org. de Alice Semedo e Patrícia Costa) acaba de publicar em formato digital “Ensaios e práticas em museologia: 01”, um conjunto bastante diverso de artigos desenvolvidos a partir de teses de mestrado (e doutoramento), na sua maioria produzidas entre 2008 e 2009. São 14 artigos, quase todos fruto de dissertações realizadas na Universidade do Porto, excepção feita aos artigos de Giles Teixeira (Leicester Museum Studies), Joana Damasceno (Universidade de Coimbra), Ana Carvalho (Universidade de Évora) e ainda, de duas contribuições espanholas: Amaia Arriaga (Universid Pública de Navarra) e Luz Gilabert (Universidad Murcia).

Conforme se refere na apresentação da publicação:

“O volume que agora se apresenta teve como principal motivação a divulgação de alguns estudos de museus já apresentados durante o I Seminário de Investigação em Museologia para os Países de Língua Portuguesa e Espanhola (Porto 2010), em formato de Poster, e que merecem, no nosso entender, uma melhor divulgação. A maior parte destes estudos foram realizados no âmbito das dissertações do Curso de Mestrado em Museologia da Faculdade de Letras da Universidade do Porto, entre 2008 e 2009. Incluem-se, ainda, neste volume, alguns artigos que partem de dissertações de mestrado ou de doutoramento apresentadas noutras universidades e que apoiam esta construção de um campo profundamente inter-disciplinar. Os diferentes textos mostram bem a diversidade dos tópicos de investigação em museologia e, no seu conjunto, materializam diversas visões e orientações da museologia contemporânea, gizando não só um território de profissionais-em-acção mas promovendo, igualmente, espaços reflexivos e de discussão crítica. »

Artigos:

A importância da documentação e gestão das colecções na qualidade e certificação dos museus, Alexandre Matos

Investigar en educación museística: analizando las concepciones de arte e interpretación de la galería Tate Britain, Amaia Arriaga

Profissionais de educação em museus: caso de estudo na cidade do Porto, Ana Bárbara da Silva Magalhães Veríssimo de Barros

Os Museus e o Património Cultural Imaterial. Algumas considerações, Ana R. Carvalho

Museus de ciências físicas e tecnológicas: contributos para a gestão das suas colecções, Carlos Alberto Loureiro

Museu Militar de Bragança – fundação, Emília Nogueiro

Museusicologia: o lugar da música no museu de arte, Giles Teixeira

As salinas de Alcochete: um património a musealizar, Maria Dulce de Oliveira Marques

Ser turista num museu: especificidades de um público, Helena Dinamene Baltazar

Museus para o povo português: O Museu de Arte Popular e o discurso etnográfico do Estado Novo, Joana Damasceno

La política museística municipal en el contexto español : la Red de Museos del Ayuntamiento de Murcia, Luz Gilabert

Os museus e o ensino industrial: percursos e colecções, Patrícia Costa

A heurística do objecto médico, Sónia Castro Faria

Museus Inclusivos: realidade ou utopia? Sónia Santos

O documento está disponível na íntegra aqui: http://ler.letras.up.pt/site/default.aspx?qry=id03id1356id2411&sum=sim

Sobre o seminário: « Normalização em Museus: O quê?! »

mars 5, 2010


Museu da Ciência da Universidade de Lisboa
Auditório Manuel de Valadares, 4 Março 2010
©Ana Carvalho

“Normalização em Museus: O quê?!” foi o tema do seminário de cultura material, organizado pelo Museu de Ciência da Universidade de Lisboa e que se realizou ontem (4 de Março de 2009) no Museu da Ciência da Universidade de Lisboa.

A comunicação de Alexandre Matos, que pontuou pelo profissionalismo, como já vem sendo habitual, deu-nos a conhecer um pouco mais sobre o seu projecto de investigação de doutoramento (bolseiro da FCT). O tema da comunicação centrava-se no papel da normalização nos museus e sobre como este tema tem vindo a ser tratado em Portugal. Apresentou-nos o estado da arte sobre esta questão, comparando com outros casos, nomeadamente o espanhol e o inglês. Por outro lado, chamou-nos a atenção para a forma como deve ser encarada esta questão, sublinhando três importantes eixos da normalização: Estruturas de dados, Procedimentos e Terminologia, áreas que devem ser entendidas em estrita colaboração e comunicação. Sublinhada a importância e a necessidade de se reflectir mais em Portugal sobre estas questões, Alexandre Matos irá aventurar-se por um projecto de normalização, que nos deixa expectantes quanto aos resultados, que certamente irão contribuir para uma compreensão mais alargada e para a evolução científica desta área em Portugal. No Mundo dos Museus deseja-lhe os maiores sucessos!

O Alexandre brindou-nos ainda com uma novidade. É que o blogue Mouseion (http://newmouseion.wordpress.com/) vai mudar de “casa”, isto é, vai migrar para um novo site que ele oportunamente divulgará.